Quer usar algum texto ou parte dele? Clique aqui e saiba como fazer!

Sobre os comentários fechados!

Pessoas queridas! Decidi que fechar os comentários deste blog seria a melhor opção por enquanto. A vida tá corrida e o tempo de ler/responder comentários (uma das coisas mais gostosas que o "blogar" nos proporciona) está curto. Portanto, pra não deixar ninguém sem resposta, decidi que vou postando quando posso, mas os comentários permanecem fechados. Agradeço a compreensão! E obrigada pela visita! *_*

Onde estarão as Luluzinhas?

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Avisos da paróquia!

Oi, gente....

Eu tinha escrito coisas mais inspiradas do que as que seguem, mas o blog me odeia e eu não sei porque ele não quer "colar" este texto aqui. Perdi tudo! Mas eu sou brasileira e não desisto nunca.

Eu lembro que pedia milhões de zilhões de desculpas pelo "desaparecimento" e pelos comentários que eu ainda não tinha respondido. Se eu agradecesse a cada comentário por aqui, a cada selinho também por aqui, seria a mesma coisa? Não, né? Eu sei que não, e isso me deixa numa angústia.

Eu lembro também que escrevi sobre a tal da angústia que eu sinto por não conseguir responder a todo e qualquer comentário. É uma coisa que me impede de publicar posts novos enquanto eu não responder tudo certinho. Maldito ascendente em Virgem!

Também falava três zilhões de coisas que eu não me lembro mais, porque escrevi antes de ir pra janta na casa de uma amiga, e deixei pra postar só agora. Fiz o favor de dar ctrl C, apagar o original e salvar o arquivo em branco... e depois o ctrl V simplesmente me abandonou.

O fato é que eu continuo por aqui, mas achei melhor fechar os comentários, já que não posso respondê-los como eu realmente gostaria, e me angustia responder apenas algumas pessoas. Não acho justo. Eu sei que eu e vocês vivemos na correria, e que vocês vão me entender.

Continuo passando nos blogs de vocês, porque já não vivo mais sem dar uma chegadinha no cantinho de cada uma. É vício e muito, mas muito carinho mesmo.

Obrigada, e desculpem qualquer coisa!