Quer usar algum texto ou parte dele? Clique aqui e saiba como fazer!

Sobre os comentários fechados!

Pessoas queridas! Decidi que fechar os comentários deste blog seria a melhor opção por enquanto. A vida tá corrida e o tempo de ler/responder comentários (uma das coisas mais gostosas que o "blogar" nos proporciona) está curto. Portanto, pra não deixar ninguém sem resposta, decidi que vou postando quando posso, mas os comentários permanecem fechados. Agradeço a compreensão! E obrigada pela visita! *_*

Onde estarão as Luluzinhas?

sábado, 9 de janeiro de 2010

Batom M.A.C. Freckletone (L): tirem uma dúvida, please!

Gente... eu já contei pra Patrícia do Não vivo sem curvex e agora conto pra vocês: comprei o meu primeiro batom da M.A.C. No Paraguai, não fico nem vermelha de falar. Foram U$ 28,00, transformados em R$ 56,00.

Primeiro, gostaria de dizer que fiquei eufórica, que adorei a cor, o resultado. Ele é um daqueles batons lustrosos, ou seja, semi-translúcido, de aspecto molhado. Realmente deixa os lábios macios e hidratados, e tem um cheirinho de chocolate... ou seria doce de leite?

Segundo, gostaria de dizer que não, não compensou. É preferível comprar com as meninas dos blogs ou na própria Sacks. Além da paraguaia horrorosa e do atendimento horroroso que ela me deu, só havia cinco... CINCO opções de cores. Mas não me aguentei e comprei o mais "nude" das opções. Na verdade, não tinha NADA da M.A.C. no Shopping China... algumas bases compactas que as paraguaias chamam de pancake, nos corrigindo. "Nos" corrigindo porque chegou uma moça loira lá do meu lado e pedindo pelo pincel "novo" da M.A.C. Eu não sei como eu entendi o que ela queria, perguntei se era o Duo Fibre, ela disse que sim, que era aquele com "a parte branca"... aí eu disse o número, néam meu bem - aprendi tudo com vocês - "é o 287, moça" e aí a paraguaia horrorosa disse "ah, o de passar base?" foi lá e voltou dizendo que não tinha nenhum pincel da M.A.C. Depois, a loira quis ver o corretivo da M.A.C., a paraguaia horrorosa mostrou um corretivo uns três tons mais escuros do que a pele da moça. A moça ainda disse que aquele era muito escuro, a paraguaia horrorosa disse que aquele era o único corretivo que tinha. Dãp!

Sem contar que eu queria achar a Dream Matte Mousse, a outra paraguaia disse que não tinha nada da Maybelline... eu dou a volta no stand e o que eu acho? A dita cuja. Em tons que não eram os meus, mas TINHA a base lá. Custa atender direito? Ah, e tinha o kit de sobrancelhas lá, não lembro ser era da L'Oreal ou da Maybelline... com dois lápis (marrom e preto) e um apontador por R$ 23,00. Não comprei. Acham que perdi muito?

Bom... vamos deixar de lenga-lenga. Preciso tirar essa dúvida cruel. Tirei foto do batom pra vocês que são muito mais entendidas do que eu darem o veredicto final... é verdadeiro, né, gente? Não é falso não, né?







Ain... e aí?
*aflita*

Um beijo especial pra Patrícia, do Não vivo sem curvex. Vi várias meninas com as aquisições da M.A.C. mas a Pati tem acompanhado a minha vontade imensa de ter um desses pra mim.

Lu.